O QUE É

Bagatela é uma realização do Grupo Bagaceira de Teatro e da Casa da Esquina a partir do projeto de manutenção “Casa da Esquina: Território Bagaceira”, aprovado no "Prêmio Fomento Cultura e Arte do Ceará", através da Lei Aldir Blanc e da Secult Ceará. O projeto consiste em atividades realizadas na sede do Bagaceira, a Casa da Esquina, promovendo a manutenção do espaço e também do grupo. Todas as atividades foram pensadas a partir de pesquisa de um trabalho interdisciplinar entre teatro e cinema, investigação que o grupo vem experenciando algumas vezes ao longo da sua trajetória.

AÇÕES

Bagatela contempla diversas ações de fomento, através de atividades de manutenção, formação, pesquisa, criação, e intercâmbio. Temos bate-papos com artistas e amigos parceiros de algumas experimentações que já realizamos, discutindo o processo de criação e refletindo sobre esse entrecruzamento das linguagens do teatro e do audiovisual (ver aba BATE-PAPOS). Apresentamos um pouco da história da Casa da Esquina, um importante espaço de resistência cultural da cidade de Fortaleza desde o ano de 2007 (ver aba CASA DA ESQUINA). O projeto também envolve a criação de uma nova experimentação audiovisual, em intercâmbio com nossos parceiros da Marrevolto Filmes (ver aba ABERTURA DE PROCESSO).

TEATRO E CINEMA

Há muito tempo o Bagaceira vem se aproximando da linguagem audiovisual. Produziu obras de curta duração, como "On My Own" (2008) e "Ao Vento" (2016). Em 2013 fez parceria com a Alumbramento Filmes e ingressou no "Laboratório de Criação Audiovisual" da escola Porto Iracema das Artes, com o projeto de uma série de TV. Em 2018 estreou o longa-metragem "Inferninho", de Guto Parente e Pedro Diógenes, fruto da parceria do Bagaceira com as produtoras Marrevolto e Tardo Filmes. O filme estreou em janeiro de 2018, na Holanda, na mostra principal do IFFR – International Film Festival Rotterdam, um dos mais prestigiados festivais de cinema do mundo. Em 2019 o filme estreou no Brasil e, já na primeira semana, entrou em cartaz em mais de 20 cidades. "Inferninho" teve ampla aceitação por parte do público e da crítica especializada e, desde então, foi selecionado e premiado em importantes festivais de cinema ao redor do mundo: Brasil, Portugal, Espanha, Alemanha, Inglaterra, Uruguai, Argentina, entre outros. A Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema) colocou "Inferninho" na lista dos 10 melhores filmes brasileiros de 2019, ao lado de grandes produções como "Bacurau", "A Vida Invisível" e "Democracia em Vertigem". Já a Accecine (Associação Cearense de Críticos de Cinema) elegeu "Inferninho" o filme cearense mais importante da década. A partir dessa trajetória, onde aos poucos percebemos nascer uma poética singular, é que decidimos ampliar a nossa pesquisa na linguagem do audiovisual com este projeto. Pensando também no lugar de primeiro plano que as telas tomaram em nossas vidas com toda a situação da pandemia da Covid-19, Bagatela surge como provocação a nós mesmos, de nos analisarmos enquanto criadores nessa posição.

FICHA TÉCNICA

Projeto Bagatela

Realização: Grupo Bagaceira e Casa da Esquina

Intercâmbio: Marrevolto Filmes

Design gráfico: Darwin Marinho e Ella Monstra

Assessoria de imprensa: Ari Areia

Secretária: Carla Sousa

Este projeto é apoiado pela Secretaria Estadual da Cultura, através do Fundo Estadual de Cultura, com recursos provenientes da Lei Federal nº 14.017 de 29 de junho de 2020.